Une fable au hasard

Les 12 livres

Les Fables

Tris de fables

Le bestiaire

Les personnages

Morales et maximes

Les sources

 Italien
 Allemand
 Anglais

Contact JMB
Envoyez une carte postale avec cette illustration
Signaler cette fable à un ami
Imprimer

Les lectures de JMB
Allez voir mes lectures.

Le Blog de JMB
Mes textes personnels






A cigarra e a formiga Livre I - Fable 1


Tendo cantado
Todo o verão, a cigarra
Quando o inverno chegou:
Não tinha um único pedaço
De mosca ou bichito.
Ela foi queixar-se da sua fome
Em casa da formiga, sua vizinha,
Pedindo-lhe para lhe emprestar
Algum grão para subsistir
Até à nova estação.
"Eu pagar-vos-ei, diz-lhe ela,
Antes de Agosto, palavra de animal,
Juros e capital."
A formiga não é amiga de emprestar:
É o seu menor defeito.
"O que fizestes no verão?"
Diz ela a esta leviana.
"Noite e dia indo e vindo
Eu cantava, não vos desagrada"
"Vós cantáveis? Eu fico muito contente com isso:
Pois bem! Agora dançai."
Google
 

ancre





W. Aractingy 81 x 100 cm, Mars 1990

Voyez aussi cette fable illustrée par: